sábado, março 2

A hora da virada nunca chega.

Reclamo demais, é fato, acho que mais para chamar atenção "ó como sou coitada" do que por insatisfação. Mas é vício. É péssimo ficar focando no lado ruim das coisas. E chato, convenhamos.


Tem coisas que preciso modificar urgente na minha vida, principalmente essa vontade de não fazer nada, mas não encontro realmente o que queira fazer. Idealizei durante tanto tempo meu futuro que quando ele chegou e me vi sozinha again não sei o que fazer com minha realidade.
E não quero sofrer. 
Se conseguir mudar pequenas coisas que melhorarão minha auto estima, ficarei mais confiante e consequentemente conseguirei fazer coisas muito importantes como.... sair de casa.

Fiquei deitada pensando quais lugares gostaria de ir, do que gostaria de fazer, gosto de passear em shopping, feira, caminhar e ficar olhando, lembrei que desde que vim pra cá, nunca mais fui ao Mercado Central e tem mil coisas lá que quero comprar, chá, especiarias, temperos, legumes e frutas bonitões, fora caminhar mesmo e olhar as coisas, porque beber em pé não é comigo, ainda mais sozinha.

Como amanhã ainda não tenho dinheiro, me animei só de escrever uma listinha com as ervas que quero, semana que vem me animo a ir. Agora uso uma agenda para fazer as coisas mais básicas.
Então ficou combinado que semana que vem, a partir do meu pagamento voltarei a natação, e irei ao mercado central. 

Me inscrevi em um curso on line de adm do tempo e escolhi outros para fazer logo depois. Estou só recomeçando, mas dá ânimo perceber que estou tentando algo. 




Nenhum comentário: