terça-feira, fevereiro 4

Familia

Hoje minha avó e minha mãe ligaram para saber se eu ainda tô viva. Com essa última crise deprimente nojenta me deu total falta de vontade de ligar, e eu ligava todo dia, até que... sei lá, parei, como se estivesse desligando mais esse botão, até de saber, meu coração está sempre apertado pensando em todo mundo, mas até pensar em uma solução cansa.

Minha única vontade é pegar mil reais que não tenho, depositar na conta da minha avó e ficar tranquila pelo menos pela ajuda financeira, mas como não consegui cumprir com o acordo SantoAndréa minha dívida retornou e não consigo pegar outro empréstimo, devia 4 mil acordado e voltou a ser 7 mil de uma dívida inicial de 2.800. Nem ligo mais pra dívida, só queria tirar eles do sufoco, mesmo que eu precisasse ficar mais um tempo apertada. Meu nome retornou ao limbo Serasa, nem sei como vou pagar a faculdade, mas sabe assim, nem ligo também, tenho poucas prioridades, pagar onde moro e ajudar minha família, nem é muito não. Algumas coisas quando vão cagando vão simplificando, então estou sem muitas pretensões. Queria ter algo de valor para vender só para depositar essa grana e poder dormir uns dias.


Nenhum comentário: