terça-feira, abril 29

Flertando com o minimalismo

Adoro ler sobre pessoas desapegadas, adoro ver pessoas que tem muito menos tralha do que eu e conseguem viver (OMG!), adoro ler sobre o assunto, mas na prática...
Sou compulsiva por compras, lojas de 1,99, tralha de fazer qualquer coisa, sapatos e cosméticos, muitos... a maioria nem sei mais porque comprei.

Tenho muita dificuldade de me desfazer de qualquer coisa, apego mesmo, fui para o Rio e voltei com uma mala a mais, algumas coisas muito úteis, outras nem tanto, mas sempre que penso em me desfazer de meia dúzia de coisas, pum... travo. Não sei a uem dar, a quem vender e assim que faço uma enorme faxina de doação, quero comprar mais coisas.

Para uma pessoa que mora sozinha em um apartamento tenho muita coisa e tudo está atravancado ou atravancando, tem mesa velha, tem cadeira velha e penso de vez em quando "quando me mudar de novo vai ser o caos".
Me desafiei a tirar uma sacola de roupas do armário, tirei, algumas coisas estão imprestáveis, então é lixo mesmo. O resto não sei nem por onde começar....

Ainda.


Nenhum comentário: