quarta-feira, abril 2

Não preciso correr

Resolvi que não sairia correndo para ir pro Rio, muito simples.


Achei que estava apática, mas o suicídio da minha amiga e várias coisas que venho enfrentando me esgotaram, me esgotaram de questionamentos e nem percebi. 

Achei que estava apática, desanimada, mas era cansaço mesmo, e bom, não devo nada a ninguém, posso tomar minhas decisões sozinhas e achei que era um bom momento para NÃO sair correndo, para não tentar agradar ninguém além de mim. 
Resolvi me mimar um pouco. 
Arrumei minha cama e me enrosquei deliciosamente nas minhas cobertas frescas, não para fugir, mas para acordar refeita, e foi o que aconteceu.



Quando estiar a chuva vou ao mercado comprar algo de bom para cozinhar, vou arrumar as coisas, deitar, ler, ver um filme.

Amanhã a noite viajo, refeita, feliz.




Nenhum comentário: