quarta-feira, novembro 11

Como sobrevivi a quase dez horas na rodoviária.

PS: esse post foi escrito em tempo real no sábado dia 07/11 – e não transcrevi antes porque essa bosta de apagão acabou com a net aqui de casa.
Às quase 22, Love chegou e tudo deu certo.

___

Você sai do Rio de Janeiro às 10 da matina para encontrar seu lovezinho em Juiz de Fora, para passarem o final de semana juntos, fazendo sexo, discutindo, falando igual dois idiotas bebês, essas coisas idiotas que casais fazem, certo? Bacana, legal...
Só que vocês esqueceram que 50% desse casal é minha pessoa, ou seja, nada sai exatamente como o planejado.

Cheguei as 13:00 e recebo uma msg que o carro fumou, saiu água pelo step, rebimboca da parafuseta, sei lá, e que em uma hora estaria tudo resolvido, beleza, penso eu, um café dois cigarros fumados e esse tempo já passou, vou fazer uma horinha.

São 15:00 e tipos, ele ainda não chegou, total cara de noiva abandonada no altar.

A internet aqui não está funcionando, vamos fazer o post no papelzinho mesmo.



São 17:00 e quatro horas na rodoviária esperando...

18:00 cinco horas na rodoviária, me sinto Tom Hanks no filme que ele mora no aeroporto, já conheço a Tia da Limpeza, sei onde fica o melhor e o pior café e qual cadeira é mais confortável.

Acabo de saber que o último ônibus de volta para o Rio é as 19, ou seja se não pegar esse, vou dormir na rodoviária.

Já se foram 15 cigarros, 3 cafés, 4 latas de coca cola uma úlcera e comi um espetinho.

Detalhe 1: Estou com um vestido curto, virei a musa dos motoristas de ônibus. Algo que sempre almejei.

A tia do banheiro toda hora pergunta “Você ainda está aqui?” Como se a resposta não fosse suficientemente óbvia por si só.

Tenho que pagar um real toda vez que vou ao banheiro. Tentei tirar um cochilo sentada no vaso, que incrivelmente era o lugar mais fresco da rodoviária.

Cabou a bateria do MP4. Maravilha, agora também sem música.

As pessoas me olham com cara de pena. E a Tia da Limpeza (ela de novo!!!) veio falar comigo que aqui tem banho... caso eu precise. Devo estar fedendo alto.

18:32 – estou ficando com fome novamente e não tem nada decente aqui para comer.

O meu amor, que essa hora já estou chamando de filhadaputadexgraçado pra baixo, toda hora me manda mensagens para dizer que o carro consertou e pifou, consertou e pifou, como uma grande e interminável punheta.

Meus parcos recursos financeiros estão sendo gastos em créditos para celular, porque não posso ficar sem comunicação com o mundo. O resto está sendo gasto para manter meus vícios: cafés e cigarros.

18:47 – que calor infernal, percebo que meu desodorante passou da validade, penso no banho de cinco reals.

Dou uma reforçada no desodorante e tudo o que consigo com essa manobra é um CC aromatizado de Speed Stick.

Detalhe 2: Não deve ter mulher nessa cidade porque os homens estão quase babando literalmente em cima de mim. Ou estou com cara de louca e eles estão me encarando?

Depois de tanto suar e passar a mão na cabeça de nelvoso meu cabelo se assemelha a um ninho de pardais após orgia sexual.

Serião, mais uma hora nesse lugar e não respondo por mim, levantar o vestido e sair gritando em russo pode ser um comportamento normal.

19:00 – Bebi uma vitamina de coco, minha barriga faz barulhos estranhos, lembrando que o banheiro é pago, cagar nas calças não é opção válida e não tô mais a fim de gastar dinheiro.

Acabei de saber que ele chega daqui.... a duas horas, não quero saber se ele vem de carro, carroça, jegue ou vassoura, contanto que ele chegue.

Uma mulher diz em alto e bom som que esqueci minhas calças em casa. Mando ela tomar no cu, pena que não tão suficientemente alto para que ela ouça.

19:45 – um trafica acaba de me oferecer um tiro (pó), duas opções ou tenho cara de drogada ou para passar quase 7 horas em uma rodoviária só cheirando mesmo.

Uma mulher cega de um olho está me encarando, começo a ficar com medo.

Estou com fome novamente.

Lá se foram 20 cigarros. E dois dias de vida futura.

Meu dinheiro está nas últimas.

Não agüento mais ficar sentada e toda vez que tenho que fumar lá fora, penso em arrastar minha bolsa como um cachorro, tamanho ânimo. Depois de fazer esse percurso 20 vezes, ta foda manter o “alto astral”.

Descobri que o hotel que reservamos fica... a uma hora daqui. Animador, animador. CERTEZA que daqui a pouco vão me ligar e dizer que algum parente meu morreu. Porque né? Quando chove merda nunca garoa.

Uma cerveja agora ia bem, mas não quis começar a beber mais cedo porque ME CONHEÇO e numa situação dessas é melhor manter-se sóbria.

20:00 – olheiras, vou para o milésimo café. Olho as pessoas e acho que estou alucinando. Uma puta fome.

20:20 – fumar está no automático, todo fumante passa por isso, fumar significa sinônimo de respirar.

Minha alma imortal em troca de alguém pra conversar. Qualquer pessoa serve, tem mendigo aqui nessa merda não?

Deus é um cara muito estranho. Olho pro céu procurando uma resposta. Nada. Nenhuma explicação plausível.

20:30 – dignidade? Estou perdida a horas nessa merda de rodoviária dos infernos, tirei os brincos os anéis, a maquiagem foi pra casa do caralho e a última coisa que me importa agora é parecer apresentável.

Porra, porque eu não comecei a beber mais cedo? Essa hora estaria alcoolizada conversando filosofia com qualquer pessoa que me olhasse por mais de dois segundos.

Porra, ele não disse que chegaria em quanto tempo mesmo? Só penso que esse homem que chamava de Amor mais cedo agora é filhodechocadeira e me abandonou aqui. Vou dormir nessa merda de rodoviária , falta pouco para eu virar indigente.

21:00 – sinceridade? Sempre penso que já passei por merdas suficientes pra depois chegar a conclusão que o poço jamais tem fundo, portanto o negócio é relaxar.

Merda. Dormi sem perceber agarrada a duas bolsas. Agora é ladeira abaixo. Fato.

21:15 – eu vou matar esse homem, e vou fazê-lo lenta e dolorosamente, porque é pecado deixar uma mulher bonita e legal toda bagunçada numa rodoviária.

Vou fumar de novo. Again. Novamente mais uma vez. Com esse são 30 cigarros.

Maravilha fumar até sentir o pulmão virar uma massa carbonizada.

Mais um café? Porque não? Se for pra morrer aqui nessa merda, que seja com estilo.

21 e alguma coisa – ele apareceuuuuuuuuuu! Jesus na terra não seria tão bem vindo.

Ele me olha, grita meu nome e sorri, esqueço as promessas de picá-lo em pedacinhos
e dar par ao meu cachorro comer, porque os apaixonados são assim e ninguém entende o porque, muito menos eu.


24 comentários:

Beatrix Kiddo! disse...

Ninguém quer saber do seu final feliz não, só tem esse comentário até agora.
Tristeza demais.

Pan disse...

Não adianta,não importa o quanto a gente queira matar os namorados às vezes. Basta um olharzinho mais doce e um beijo e a gente já derrete!

Beijos!

just me disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
just me disse...

Ow menina, sal grosso e arruda procê viu?
Agora quando aparecer de novo nesses recantos mineiro, avisa antes, no mínimo a gente podia filosofar juntas!

Marcelo Mayer disse...

os fins justificam os meios. pelo menos ai não tem uniban

Karina disse...

kkkkkkkkkkkkkk definitivamente não vou ler mais seu blog no meu trabalho...

ladylina disse...

kkkkkkkkkkkkkkkk coitada....mas valeu pelo post

JM disse...

Seu namorado usa CRACK = FATO !

rsrsrsrssr

Bei_JOTAS !

Leila disse...

cristaleira, não havia um mísero táxi nessa rodoviária de merde???

acho q sairia mais barato q a grana q vc usou pra ir ao banheiro...



beijo, tava já sentindo falta dos seus escritos!

Driks disse...

Uaaaaaaaaaaaaau eu viajo tambem pra ver meu namorado, e toda vez ele me deixa uma hora esperando...Olha amiga ate que nao é tao mal uma hora comparado a voce tanto tempo na rodoviaria.

=)

EU disse...

KKKKKKKKKKK
FELICIDADES cRIS E SORTE QUE VC PRECISA

Badulakis disse...

Nossa... se fosse meu namorado, iria chegar na Rodo e não achar ninguem, deve ser por isso q to solteira. FATO!
rs!!!
Mas sua força de vontade e persistencia me surpreenderam!
Não fica tanto tempo sem escrever... sinto sua falta dimais!
Bjo em cada banda.

Carol Carvalho disse...

Puxa Cristal eu definitivamente não teria essa paciência... vc venceu!!!!
Continue assim porque quando estamos apaixonados, vale a pena!!!!
Beijos, senti saudades!!!!

Desabafando disse...

kkkkkkkk.....terrível ficar esperando assim, mas porque vc não foi até ele?

Cristal - a louca. disse...

Beatrix: Nesse blog ninguém quer saber de final feliz!

Pan: apaixonados sempre foram idiotas rs.

Just me: A merda é que sempre decido ir assim ó pá pum, mas bem que eu quero ein. Te aviso sim.

Marcelo: Sempre é assim, Uniban minha bunda, deusmelivre kkkk.

Karina: Leia sim, melhorará seu dia no trabs! Ou não...

Linoca: Sempre assim né?????

Jm: Porra amigo, também te amo, tá.

Leila: Sairia não filha, pior que não sairia....

Driks: Meo, sério esses homens são... fodas kkkkkkkkkk. Mas olha não pretendo ter uma saga dessa novamente tão cedo.

Eu: Eu to sempre precisando de sorte!!!! Sempre!!!! Kkkkkkkkkkkkkkkkk

Badulakis: Fia, pensei vinte mil vezes em vir embora, mas e a coragem? E a puta saudade? Liga não amiga, quando você se apaixonar, fica mais besta RS, ou não.

Carol: Paciência tem sido meu sobrenome ultimamente né? É Caixa é namorado....

Desabafando: Longa história, longa história, e o combinado foi essa não dava pra fugir...


Beijundas meu povo lindo e rico!

Namorada disse...

Sempre que leio um relato Punk seu, penso " Nada mais de sureal pode acontecer à essa mulher" Ledo engano ò fundo de poço from hell.

Luna Sanchez disse...

E ele chegou, chamou seu nome, ela o olhou, sorriu, ele também.

Correram, um para o outro, e entre abraços e beijos ela até quis dizer que queria matá-lo, esbofeteá-lo depois de morto, mas achou que continuar beijando-o seria melhor.

E assim, deixaram a rodoviária, conversando em bebeês, como bons apaixonados que são.

...

=)

Te gosto, moça.

Dois beijos,

ℓυηα

Andarilho disse...

É assim mesmo, gente apaixonada é tudo idiota assim, hauhauahua

Não leve o personagem pra cama disse...

Eita que esse tal de amor está lhe deixando inspirada.

i ILÓGICO disse...

sem comentários.
HAUHSUHASUHAUHSAUHAUSHAUSHUAHSUAHSAUHUASHUASHUAHUSAHUSHUSA
p.s. adorei a fotinha da gata.
AUSHAUSHAUHSAUHSAUHSAUHUAHSUSAHUAHSAUA
caralho que sorte vc tem! que sorte!

Ana Paula disse...

Tadinha!!!

Krol disse...

Ca ra leoooooo!!!
Como pode, tu deve estar pagando os pecados da humanidade gata!!! Ninguém merece tudo isso!!! Mas rendeu um engraçadissimo post!!!! BjOoOo

Dani (ela) disse...

eu tenho um amigo que fala que "mulé paxonada fica puta. e puta barata porque com o sorriso tudo se (a)PAGA".

;)

Blog da Fatima disse...

Criaturaaaaaaa de Deus...
tu pagou todos os teus pecados e deve ter ficado com algum crédito para os próximos..sim, pq cristão que se oreze tem que ter pecados néammm???

Mas ri muito..desculpa se era pra chorar, mas eu ri mesmo!!!

Bjos no ♥