terça-feira, julho 19

Desiludida na vida.

Tem dias que acordo assim, meio borocoxô, meio sem saber para onde ir. Acordei, fui pra academia para perceber que estava atrasada, voltei, deitei na cama de novo porque não queria vir trabalhar, não queria comer, só queria dormir, dormi mais dez minutos levantei e vim trabalhar.
Fiquei pensando no caminho que tenho a nítida impressão que corro, corro e paro no mesmo lugar de sempre, chorei, dramatizando, tá é uma impressão erônea e tudo isso se deve aos meus hormônios mentruais.
Mas sabe? Dói as costas, dói os ombros e dói a alma, os dias passam, os clientes mudam, tudo muda mas nada muda.
 
Quero dormir mais dez minutos.
 

3 comentários:

Lyh Kirchner disse...

Me arrume um travesseiro, tembém to nessa...
Tudo muda e as coisas ficam na mesma!
Ou será que é a gente que ta fora do contexto?
Beijos

'Lara Mello disse...

As vezes me sinto assim também, te entendo :(

i ILÓGICO disse...

é. entendo também. eu também acho que nada mudou.