segunda-feira, agosto 8

Adrenalizando.

Tô toda arrebentada, e antes que façam gracinhas sobre eu ter ficado o final de semana com meu namorado e ter voltado arrebentada, explico.
Essa coisa de avião, que dizem que a gente se acostuma, pode até ser verdade, o probleminha é que tipos, você se acostuma até comtortura, mas não quer dizer que a coisa fica agradável, entende? Foi aquele desespero novamente, somente em menor escala, porque né? Os aviões continuam voando.
Aí arrumei uma dor de tensão no ombro, minha garganta inflamou em tempo recorde (uma noite!) e parece que um  bando de mamutes ensandecidos passaram por cima das minhas costas, não conseguia dormir e só depois de mais de uma hora rolando é que consegui, porque toda hora "acordava" com o barulho do ventilador que eu julgava ser do avião, tipos eu meio acordava e pensava "ainda estou no avião?" e foi essa tortura a noite inteira, e eu super cansada não conseguia desligar, doideira.
 
Acho que daqui uns trinta vôos começo a relaxar.

 

 

Um comentário:

'Lara Mello disse...

Acho que foi os remédios que vc tomou HAHAHAHAHAHHAHAHAH