sexta-feira, agosto 19

Tudo é macro

Quando você está desestabilizado tudo é muito. Tudo parece pessoal e não rola aquela vibe de deixar fluir. Tudo fica preso,  duro, sem espaço de manobra,  tudo é muito grosseiro.  Uma Lixa. 

Não tem leveza,  beleza,  delicadeza,  tudo é tom pastel, você percebe que passou horas já,  mas nada de útil foi feito além de respirar,  não há contemplação,  não há alívio,  é aquilo.  Seco.

Seus livros não te alentam,  você não se alenta,  você não se perdoa. Seus pensamentos só transitam entre o passado culpado e o futuro ausente. Nada é presente.  Você não gosta da própria companhia,  da própria imagem,  da própria sombra,  tudo em você incomoda, como uma antiga paixão do qual você se lembra que já rolou mas hoje não sente nada. 

O tempo passa a ser seu inimigo,  você não controla seus descontroles e tudo é enorme do tempo de ir até a cozinha e até o cigarro parece ter horas...  Horas que você fuma o mesmo cigarro no instante estático de um dia que já passou.  Passou. Literalmente.  Você se sente culpado porque mais um dia passou e quantas pessoas dariam a vida por mais um dia que você puft jogou fora.

Você se sente culpado pelos outros,  porque voce não se aguenta como aguentar outro alguém?

Você quer ser notado e invisível ao mesmo tempo,  quer que as pessoas te dêem colo mas tem pavor que elas sintam pena de você. É o antagonismo  constante. Saber e o não fazer. Tentar se esconder. Tentar desaparecer.  Tentar esmaecer.

Cor de desmaio,  cor sem cor,  nem a dor é dor,  é um roçar de uma ferida, é se cortar com papel, o barulho do ventilador,  do avião,  do carro tem o mesmo som. Tudo é árido, tudo é espaço vazio.

3 comentários:

Entre os fones da Grah disse...

Dai bate essa hemorragia de pensamentos.

Links disse...

pqp, to lendo cada linha do blog. tb to desempregad, com vontade de pedir colo pra todo mundo, mas paradoxalmente, enviar todo mundo tomar no cu.

preciso começar a procurar emprego, mas to sem coragem.

uma hora vai.

Cristal disse...

Entre os fones: Exato, hemorragia.

Links: ahhahahahahhahahahahah melhor descrição não há, me dá colo... va tomar no cu também, nem sei porque te pedi colo sua pessoa chata, me perdoa? kkkkkkkkkkkkkkkkkkkk