segunda-feira, agosto 4

Banco...

Só pra terminar eu disse que quando eu voltasse e pagasse um milhonésimo das minhas contas o que ia acontecer, certo?

Eu recebo e saio distribuindo dinheiro, é pra mocinha que vende roupa a outra que vende cosméticos, a conta do bar, do Cartão Marisa (ó o sinal da pobreza - Cartão Marisa) mas o que me deixa sempre boladona é o banco.

O banco não entende que o limite que ele me "proporcionava" era mais alto que o meu salário e como esse meu salário cai na conta desse banco, já viu né? Eles me oferecem toooodas as "vantagens" de tudo - a única coisa que eu não possuo dele graças a Oxalá e o tal do Cartão de Crédito. Mas tudo quanto é crédito rotativo eles me mandam, eu uma pura mocinha do interior, acabo caindo nas graças do facilmente retirável em qualquer caixa eletrônico.


Mermãoooooooooo afasta esse cálice de mim. É tanta facilidade que difuculdade mesmo só na hora de pagar, pior é um crédito que eu me livrei que simplesmente caía na minha conta e aparecia como saldo - eu sempre tinha dinheiro, só não sabia de onde esse puto saia.

Muito gastadeira e sem qualquer noção da minha realidade de assalariada ia gastando, claro que pagando sempre, afinal Alôou disse acima - meu salário cai nessa conta.

Esse banco é administrado por satã, porque putaquepariu, só fica negativo e quando eu preciso de dinheiro está igual uma putinha rebolando na minha frente, eu vou lá e pego né? Fazer o que?

Esse relato todo só pra dizer que "furei" o banco para pagar minhas contas... mas... um dia eu pago... ou não como diria Caê.

10 comentários:

Layz Costa disse...

Banco, sempre quebrando a nossa vida quando mais precisamos. Ai, ai, nem me lembre!
Adorei o blog e a maneira como você escreve aqui, adorei.
:}

Lilica disse...

Achei que estava lendo a mim mesma hahahahaha
É bem esta a minha relação com o maldito Real Master! Limite maior que o salário e lógico, eu sempre devendo...
Parabéns pelo blog!

.Ná. disse...

Banco é uma merda.. o meu rouba até as cuecas que eu não uso... Só não tira minhas calcinhas porque,ultimamente, ngm quer tirar mesmo! ahahaha
Bjos

Andarilho disse...

O negócio é comprar ações de banco, eles sempre dão lucro, hauhauhau

Colombina disse...

Dinheiro de baixo do colchão é a solução.

Ana Cláudia disse...

Liga não, Tõ no mesmo barco (furado) Vou rolando enquanto der, desisti de querer consertar meu saldo bancário, tem dias que acordo, monto planilhas, várias estratégias, guardo os cartões, faço plano b, daí basta um único diazinho que eu acorde me sentindo o verme do bichinho do cocô do cavalo do bandido e pronto! vou lá e gasto tudo o que eu não tenho.

Osimar Medeiros disse...

Dinheiro na mão é vendaval, delícia.

Na minha então, é tsunami.

Beijocão solidário. :)

JM disse...

Eu gasto mesmo ! O Brasil deve porque eu não vou dever...

Agora já pensou se o gerente solucionar o saldo vermelho da sua conta igual o cobrador do onibus !??? rsrsrs O gerente deve ser + alinhado ! rsrsrsrs

Titi disse...

Já tive bem perdida assim.
Alguém me salvou(rezo pra essa pessoa todo dia).
E rezo também pra não cair em tentação.
Mas o saldo continua vermelhão.
Vou levando.
Bjcas.

Thefy disse...

Bem que eu queria um banco assim..hauahua
Bjokas flor