quinta-feira, setembro 15

Decisória Temporária

Hoje quando acordei, olhei pela janela e fiquei pensando em quanto é grande o mundo e não existe nenhuma lugar que eu queira ir, fiquei ali... doida para me acovardar de vez e voltar para a cama, cansada de estufar o peito e falar qualquer merda sem sentido.

Talvez eu faça muito drama, mas eu falo e faço quanto quiser, eu vivi meus últimos dois anos no futuro, onde o que me movia era o quanto de tempo faltava para eu ir a Minas e o quanto e o que eu precisava fazer para diminuir essa distância, então é muito difícil pra mim encarar o dia de hoje puro e simples que é o que gostaria de conseguir fazer, mas não o faço e fico espiralando tentando voltar ao exato espaço de tempo de antes do meu namoro, porque se eu conseguia viver naquela época, não morrerei hoje, na verdade eu ando com muito medo das coisas, tenho medo de voltar a ser a pessoa que era,

morro de medo que isso realmente aconteça entre outras coisas e não existe nada de realmente importante que queira compartilhar com vocês ou qualquer outra pessoa.

Tenho tido problemas no trabalho, com a minha mãe, com as coisas que gostaria de fazer e não consigo, pelas minhas indecisões, e preciso de um tempo, toda vez que eu venho aqui e é muito já que são são mais de mil e duzentos textos todos escritos por essa pessoa muito inteligente, eu.

Tudo o que a gente faz, tem um eco, tudo o que escrevo também, sei que vocês acompanham a minha saga, comentam, me mandam e-mail e é adorável como vocês me ajudam, mas preciso me afastar daqui um tempo, é só um pequeno tempo, uns 30 dias ou um pouco mais, porque preciso me afastar, se eu continuar a entrar na internet ou no meu e-mail toda hora e carregando meu celular como se fosse um filho, vou acabar enlouquecendo ou prejudicando meu trabalho.

Ninguém mais do que eu queria que as coisas fossem diferentes, mas elas não são, meu namoro é como se fosse minha perna e sem ela preciso aprender a andar novamente, claro que preferiria manter minha perna mesmo que doente, só que não depende somente de mim, amar dói porque queremos manter a pessoa conosco mesmo que esse não seja o desejo da mesma. Eu ouço e leio cada um dos "conselhos", mas quem está dentro não vê da mesma forma que vocês e meus amigos, experiência é uma coisa que tenho de outras situações não relacionadas a namoro. E não passa pela minha cabeça fazer muita coisa, não tenho o que implorar perdão, nem o que prometer, nem mesmo o que falar, ficou a opção de deixar as coisas fluirem e acontecer o que tiver que acontecer, se for pra ficarmos juntos daremos um jeito, caso não seja, daremos um jeito também, só que separados.

Vou ficar sem escrever aqui e só verei meu e-mail duas vezes por dia, tem o endereço ali no meu perfil, como não sei exatamente o que fazer, vou procurar meus amigos, vou para a academia fazer algum tipo de aula maluca, vou ficar com minha família para me mimar, estudar, beber umas cervejas, ir para o shoping gastar até meu último centavo e vou fazendo assim, quem sabe volto com muitas novidades? Posso até voltar para dizer que ficou tudo bem e marquei a data de casamento, ou que... infelizmente nada se resolveu, enquanto isso, divirtan-se nos arquivos.

13 comentários:

Ly disse...

Que pena!!! Mas uma coisa é certa, tanto para o bem como para o mal tudo passa!

Boa sorte!

Oi? disse...

Nunca comentei por aqui, mas sempre te li.. Desejo apenas Boa Sorte! Bom ventos pra vc Cristal!

Vânia disse...

Cristalzinha.. nada como um dia após o outro COM UMA NOITE BEM NO MEIO!!!!!! rsrss... calma.. relaxa... Vai dar tudo certo!Igual o AA, um dia de cada vez....bjuuss

Titi disse...

Dá um tempo. Mas volta tá?

Andressa Tavares disse...

ain :/
vou sentir saudade de ler isso aqui :/

Daniel disse...

Boa viagem.....força coragem!!

BETA disse...

Cristal, vamos sentir saudades! Mas entendo a coisa de ter que aprender a andar novamente. As dores de amores, infelizmente não se curam no tempo que a gente quer. Arrasto uma tristeza há mais de três anos, pq no fim a gente também quer entender porque as coisas acabam. Vi um filme de mulherzinha que gostei muito "Sob o sol da Toscana", quem sabe um pouco de cineterapia?
Vai, se refaz e volta. Tudo que não te mata , te fortalece, não é?
Beijão.

'Lara Mello disse...

#FATO: Só quem sabe é quem passa, só você sabe o que esta passando, e qualquer atitude sua vou apoiar, porque te considero muito como uma amiga e se tu acha que deve se afastar porque é melhor, FAÇA!
Quero toda a felicidade do mundo para você, quero que tudo der certo, que tudo se encaixe, que toda essa fase passe e que você volte mais rápido possível!!!
Claro, vou morrer sem você, mas..

Sorte, beijos, abraços, carinhos..

Eu?! disse...

é só mais uma fã dando apoio, te desejando muita força e o melhor sempre ;)

iILÓGICO disse...

"This is my message to you
Saying don't worry about a thing
Because every little thing
Gonna be all right"

Fragmentadora disse...

Olá,

Acabei de criar um blog dedicado a postagem de escritos de escritores brasileiros e estrangeiros. Se puder dê uma olhada ( o blog ainda é novíssimo). Sigo-te

p.s.: depois passo para comentar os textos

Abç

Madame disse...

As vezes é melhor dar um tempo e tentar alinhar as coisas...quando me separei do bofe fiquei assim, sem perna, igual vc esta se sentindo...como disse,ainda boto fe nesse romance.

Ve se volta ein?

bjus

Lune disse...

Cristal,

Te adoro!!

Já estou morrendo de saudades!!!

Desejo que essa fase passe logo e que você seja muito feliz!

Muitos beijos e abraços carinhosos,

Lune