segunda-feira, outubro 3

O dia é hoje, a hora é agora.

Tem dias que a gente não quer levantar, segunda-feira, chuva, uma instabilidade emocional horrorosa, tudo adiado, procrastinado, mal humor, incertezas, tem dias que só ando armada e a impressão que todos estão contra mim, querendo me usurpar, tirar minha energia, querendo algo que não posso dar.

Só de olhar pra mim dá pra ver meu encolhimento, dá pra ver que estou desconfortável, algo me espetando por dentro, algo que não quero.
 
Escolho parar de lamentar, de ter medo, tentar sair da carapaça, acreditar, cheguei no trabalho com um sentindo derrotista, porque não bati minha meta, porque sou uma merda, uma bosta, daí tenho que me lembrar que se acreditar nisso, não me tornarei outra coisa além disso, respiro fundo e tento pegar lá dentro uma força qualquer, cinco gramas a mais de energia necessária.
 
E consigo. O dia de ser feliz, fazer algo é agora.

6 comentários:

'Lara Mello disse...

O bom que vc se joga no lixo e depois vc mesma se tira, não precisa ninguém fazer isso por você, te admiro :**

Madame disse...

Concordo com a Lara.

Bia. disse...

Concordo com a Lara. [2] Te admiro muiito também ;)

Krollll disse...

Segunda feira é dia internacional de bode?!
Conta pra mim... comé que ocê arranja essas forças-internas-de levanta-difunto-do-além?!?!

Admiro esse seu ser viu?!
Beijoo Beijo

Daniel disse...

Radical.......

iILÓGICO disse...

por isto estou por aqui. você é minha deusa! te venero!