terça-feira, julho 31

Post grande chato e desconexo.


Catarse.

Vou dividir o texto em vários pedaços para ficar mais fácil de entender, tenho tanta coisa para escrever que estou com medo de misturar tudo. Que é o que farei.

O assunto do momento não será mencionado pois esse não é um diário amoroso ou pós amoroso, então não usarei esse meu espaço tão querido para acusar nada e nem me defender, quando eu sentir vontade coloco alguma coisa aqui, meu foco agora sou só eu mesmo.

Estou usando uma net daquele modenzinho, não dá conta, cai de 5 em 5 minutos e nem dá para ler os e-mails, mas dá para postar alguma coisa o que já me dá grande alegria, mas não tô com cabeça nem para ver a campanha da net, talvez semana que vem, quem saberá? E depois de tanta cagada que fiz hoje dificilmente alguém quererá me ajudar.

Quando estou com a cabeça ruim faço minha catarse tirando todas as coisas do lugar e arrumando, mas dificilmente termino de "arrumar" mas se vocês virem no que se transformou meu apartamento em dois dias vocês ririam. Tirei as coisas de dentro do armário joguei em cima da minha pseudo cama, não tem um único lugar na sala que não tenha livros ou coisas sem nexo jogadas no chão. Os cinzeiros cheios de guimba, copos em cima da minha mesa de bobina de cabos e pior, comecei a pintar um banco e me pintei inteira, o chão, joguei verniz em um quadro antigo e deixei tudo assim, agora estou aqui fumando e vendo minhas bolsas jogadas, sacolas plásticas pelo chão, um fixador de maquiagem, uma garrafa de água  vazia e dois pés de chinelo que nem são do mesmo par. Nenhuma vontade de começar a arrumar. Minhas mãos cheia de tinta e essa bagunça fenomenal me enche a cabeça, pois só penso em como arrumar tudo isso. Mas sem mover uma única palha. Olhando essa zona como se fosse uma obra de arte. Acendo outro cigarro, minha companhia constante, mas não sou Coco Chanel para isso ser um charme e estou começando a ficar com uma tosse brava. Além das dores de cabeças diárias, mas nada que uns analgésicos, vários, dê conta.

___

Como todos sabem sou compulsiva por compras, eu até tento me manter dentro de um equilíbrio, mas sabe quando a gente chuta o balde para ter mais coisas para arrumar quando resolver ajeitar a vida? Em um único impulso comprei ferramentas, já que Marcos levará as dele, comprei tinta para pintar uns bancos daqui de casa e a tal bobina de cabos que precisa enfim ficar bonita. Como pagarei isso? Não faço a mínima. Tô preocupada com isso agora? Não. Já fiz a merda, amanhã penso nisso, ou quem sabe semana que vem ou quando a fatura do cartão chegar? Uma caixa caiu na minha cara semana passada no estoque quebrando uma partezinha debaixo do meu óculos e entortando ele todo, o que fiz hoje? Passei em frente uma ótica mandei medir meu grau e fiz um óculos novo que fica pronto essa semana ainda. Dividido em 8 parcelas que também não faço a mínima como pagarei. Sabe assim? Deus proverá? Eu sei que foi irresponsabilidade, mas na minha sinceridade exacerbada não me arrependo de porra nenhuma. Larguei emprego, cruzei estado, arrumei emprego, me mantive lá e não vou ter medo dessa conta quando chegar, qualquer coisa ligo pra minha família, só que não porque tipos eles não me ajudam financeiramente. 500 reais em um cartão? Ah que isso minha gente, ainda mais porque nem tenho cama ou internet, e até para comprar sabão tenho que olhar as ofertas, mas que isso pra mim? Apenas um tiro pra quem tá morto.  Tenho um bom cérebro, meio burro nas compulsões, mas ainda funcionando, sabe eu olho minhas coisas e falo: Eu sei que entrei nessa enrascada, e vou sair dela, a questão de como aparecerá em dias, como The Secrets ensinou, Ah e escolhi um óculos bem estranhão porque estou de saco cheio dessa minha cara de gente comum. Acendo outro cigarro, um Hollywood vermelho reserva, porque a caixa nova de Carlton está sabe se Deus onde, jogo a outra caixa acabada no chão mesmo como um protesto mudo ao meu estado de espírito.

______

Meu trabalho está fluindo e amanhã será meu primeiro dia como vendedora auxiliar, vocês não tem idéia do que isso significa pra mim. Depois de um treinamento de 4 fucking meses! Tipos, eu vou vender, se vou ganhar dinheiro ou para quem venderei não me importa agora, EU VOU VENDER PORRA CARALHO!!!!!!! Vender mermão, vender tudo o que cruzar meus olhos abordar os clientes enlouquecida enquanto eles compram uma fita isolante e eu exulto dando glórias aos céus. Vou dar bom dia boa tarde e boa noite com um sorriso luminoso porque sou apaixonada pela minha profissão, serei (já sou da licença) um sucesso absoluto com meu carisma nato. Amanhã sou vendedora de novo. Nada de botinas e mês que vem chega meu uniforme especial. Enfim colocar uma calça preta, minha camisa social, meu crachá pendurado no pescoço escrito VENDEDORA, usar meu cabelo solto, ter um cartão de visita, usar um sapato, poder vender vender e vender. E ter problemas, stress e querer matar meus clientes, como quero ter essa vida de novo. Nem que seja para maldizer ela daqui a dois meses.

Amanhã tenho um treinamento a noite da Siemens especial para o setor onde vou em novembro, me sinto mais importante que o papa pois foi um treinamento que me dispus a fazer pedindo pelamordedeus para me deixarem participar. Meu uniforme feio ainda destoando do resto da equipe, mas enfim me sentindo parte de alguma coisa.

Me inscrevi em um curso de excel avançado que comerá minhas noites mês que vem, mas maravilha tudo lindo, meu currículo só engordando! Esse final de semana farei minha primeira instalação elétrica aqui em casa, claro que me certifiquei trinta vezes que o troço não pegará fogo e meu banheiro agora terá um spot em cima do espelho, coisa baratinha que comprei com desconto de funcionária.

____

Estou presa agora nas coisas práticas, dinheiro, aluguel, o cartão de crédito enlouquecido, o buraco no banco, comprar comida, pagar o telefone e colocar comida em casa. Essa bagunça eu arrumo qualquer hora. Ou vocês acham que ficarei nesse desequilíbrio eternamente?

_____

Agora vem a parte legal. Jogar as roupas no chão e deitar de qualquer jeito na cama. Não sem antes fumar o último cigarro de hoje.

 


--
Cristal

6 comentários:

Sweet little devil disse...

Menina!!

Parei de fumar pq o ... deixa prá lá... enfim, larguei um vício (achei seu blog por ele!!) e tô me viciando no seu blog!!

Lara Mello disse...

E abe?! Tu vai conseguir, tudo vai voltar para seu lugar, afinal, estamos falando de vc, uma das pessoa mais guerreira e que sempre SEMPRE segue em frente que já conheci.. Tô aqui! =)

.Intense. disse...

Como diz um amigo meu (qdo tou na merda): vai ficar muito pior antes de melhorar, mas o bom é que vai melhorar. E vc vai sair dessa muito melhor do que quando entrou.


Fica firme.
;*

rafaela disse...

Ei... dê notícias, como está indo de vendas. Estou torcendo por você.

Unknown disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
JM João Miguel disse...

Nossa quanto tempo não venho aqui e quando volto acho um monte de informações e novidades desconexas... Em qual email a gente se fala !?

Bjs ! Boa sorte e fé né !

JM