segunda-feira, dezembro 10

Boba feia

Hoje a última pedra caiu, tomei um esporro no trabalho por um erro tão tão tão primária que foi o último sacode de alerta, o jeito que a pessoa que me deu a bronca me olhava parecia sinceramente que estava olhando para uma retardada. Não é algo grave, mas é primário. Desatenção.

Escrevi um texto carregado de ódio e raiva, depois li, reli, quando vi estava tendo uma reação infantil, juntando todas as frustrações, mas passou  época de ficar achincalhando os outros pelas minhas escolhas erradas.

Aceitei o erro, aceitei o fracasso da minha vida pessoal e o jeito agora é consertar com calma e sem ansiedade.

Minha sanidade volta pouco a pouco para o corpo, porque não posso viver louca e depressiva. Só posso contar comigo.


Nenhum comentário: