domingo, setembro 1

Estilo

Não tenho estilo nenhum pra me vestir desde que engordei a primeira vez, isso vai muitos anos, quando emagreço um cadinho melhoro minhas vestimentas, mas quando estou do meu tamanho atual sou a dona  camisão, legging e sapatilha.
E ainda vem o fato de trabalhar de uniforme, então nunca tenho muita vontade de comprar roupa, não tenho onde usá-las.

Aí fico sempre matutando no que posso ficar "mais bonitinha" aí sobra o que sobra: bolsa, sapato, maquiagem, perfume e acessórios.
Só que ando muito cansada, como minhas bolsas são de couro não tenho invencionice de "PRECISO DE UMA BOLSA" porque todas as minhas dão pro gasto mais uns 30 anos. Não tenho mais saco para salto, porque nunca sei se vou ficar sentada ou se precisarei ficar andando por causa de cliente e voltar com gangrena pra casa em pé no ônibus e quem não sabe uma pessoa de 85 quilos em cima de um salto costuma fazer misérias nos próprios pés, minha atual vaidade (zero vírgula dois) não permite tanto.

Eu era muito brega, mas era um brega que elo menos me identificava, maquiagem carregada (hoje o carregada é tipo batonzinho vermelho e só) muitas bijus e acessórios loucos, como cintos com fivelas do tamanho de uma tampa de frigideira ou bolsas coloridas, sandálias altíssimas anabela, plataforma estilo traveco.

Como não uso mais nada disso estou me sentindo velha, formal ou descuidada demais (o que é uma verdade, porque andei preferindo comprar um pote de nutella do que arrumar dinheiro para fazer as unhas).

Aí fiquei pensando em como voltar a ser uma árvore de natal, estou deixando meu cabelo crescer e vou me obrigar a usar alguns acessórios novamente, mesmo de uniforme, vou me arrumar para ir no supermercado e foda-se o mundo, assim que rolar uma grana vou comprar umas roupas de qualidade ao invés de viver de legging e vou investir em uns saltinhos mais ou menos até reacostumar a andar nas alturas. Estou cansada de mim, cansada de me olhar e não fazer ideia de quem sou, me olhar e ver que minha aparência não casa com minha personalidade.











3 comentários:

Camila Cantanhede disse...

Cristal, eu sempre te entendo. HAha. LEio aqui já faz um tempo, isso que vc passa, volta e meia passo eu. Não se entregue. A gente tem mais é que se amar a nós mesmas!!

G.K.B disse...

Cristal,

Você é super linda! Eu vi um vídeo sei que postou um tempo atrás e não consigo lhe imaginar sendo brega!

Você sempre aparentou ser uma "gordinha" (você quem disse) estilosa e chique!

Enfim, tu pode até estar pobre! Mas não tem cara de pobre. Nem jeito de pobre.

HSAUHSAUHSAUHSAUHSUAHS ³ .

Abraço!

G.K.B disse...

seu *