segunda-feira, outubro 24

Devaneios das férias.

Larita: Por causa do seu coment geral vai achar que fui influenciada por ti kkk, já li esse livro e já estava fazendo esse post desde cedo, aos pouquinhos.... você lê pensamento, sua pimpona!
________
 
 
Planejei minhas férias para estar com as pessoas que amo, todas elas, não esqueci de nenhuma, mas hoje...por hora... não gostaria de estar com nenhum deles, ninguém para dizer a verdade.
 
Hoje acalentei sonhos secretos entre risos:
 
Ir para um retiro espiritual, preferencialmente um busdista ou indiano, ou sabe-se lá, Hare Krishna para ficar repetindo aqueles mantras até.... 
Gostaria que nesse retiro tivesse muito verde, comida desintoxicante e o silêncio fosse obrigatório, assim não gastaria mais minhas palavras para tentar ser ouvida, nem gastaria energia tentando ser nada, de deixaria todos os demônios saírem da minha cabeça, tipo em uma sessão de exorcismo mesmo *(penso eu ser assim, já que never participei de nada parecido a não ser umas cantorias na igreja de que não tenho boas recordações) alguns dias sem ter que pensar em trânsito, roupas ou o que as pessoas acham de mim, claro que é uma fuga, mas seria uma fuga legal, com a razão de tentar me achar, coisa que acredito nunca conseguir. Acordar as cinco da manhã e me perguntar insistentemente o que estou fazendo ali enquanto tento me manter acordada na meditação, expandir os pulmões que só vêem nicotina e poluição.
Tentar fazer contato com o divino e perguntar qual é a razão de tudo isso, se estamos mesmo em uma dimensão paralela e porque nunca minha mala saiu primeiro na esteira do aeroporto.
 
Não sei exatamente como são essas coisas, nunca fiz mais de uma aula de ioga na vida e tirando o fato da eu rezar e ter bastante fé, nada que se asemelhe meramente a essas filosofias, por isso poderia ser tão legal!!!!!!
Tirando o fato do cigarro.... que né? como ficaria sem ele e tipos não vejo a seguinte cena: "com licença Sr Monge, preciso de  um cigarrinho."
Seria legal ficar sem internet, telefone, rádio, celular, seria quase uma limpeza com escovão na alma, essas coisas são absolutamente necessárias, mas acredito que o silêncio seja também, mesmo que por pouco tempo, enfim, sem falar que deve ser caro, mas eu nem ligaria de pagar, se fosse só por uns dias...
 
A outra coisa que sonhei foi tipos o quase contrário, me encher de porcaria, pagar cinco dias de hotel mil estrelas e passar o dia inteiro falando, comendo e vendo tv, dormindo em lençóis fofinhos 16 horas por dia e acordando somente para tomar banho sentada no chão de tanta preguiça e comer todo o café da manhã com todas as calorias que me permitisse, um banheiro com banheira, depois me estender para ler um livro comendo uns bons chocolates, lagarteando na piscina e vivendo de roupão andando pra lá e pra cá no quarto, até que ele ficasse uma zona tamanha (que gosto de fazer) eu simplesmente pedisse para alguém arrumar o quartito enquanto eu ficava só de boresta novamente... tomando uns bons drinks, depois choraria toda a mágoa de Maria do Bairro escondida de todos, enquanto enfiava a cara em travesseiros fofézimos perguntando ó Deus porque sofro tanto???? Com os olhos embaçados te tanta lágrima peço minha segunda garrafa de champanhe.
Ou então encher um copo de whisky com água, para observar a paisagem, depois entrar no quarto e no imenso espelho falar todos os impropérios que tenho guardado a anos, chorando enquanto cairia dramaticamente pelo chão do banheiro, ficando deitada em posição fetal enrolada no meu roupão, até cansar e querer mais um cigarrinho. Comer palmitos direto do pote, comer nacos de queijo bebendo coca-cola e como toda louca pediria que não deixassem objetos pontiagudos no quarto.
Me coçar em partes pudendas a hora que quisesse, dormir sem escovar os dentes, não me importar com o formato dos meus cabelos, vestindo vestidos enormes e largos, cheia de bijuterias fazendo muito barulho parecendo alguma rica excêntrica com crise de nerfs, faria os funcionários do hotel dizerem que tenho algum tipo de problema que as pessoas se manteriam afastadas e assim poderia ficar sem falar com ninguém.
 
 
Das duas formas seria ótimo, mas acho que minha personalidade tende mais para a segunda opção, mas a minha necessidade, mais para a primeira, quero tranto transcender essa porra toda.
 
Ai ai.
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

3 comentários:

Ale disse...

Amei... Há há.... peço minha segunda garrafa de champagne.....
Te adoro

Cristal - a louca. disse...

Obrigada Alê... só assim pedindo a segunda garrafa.

Beijundas

'Lara Mello disse...

Eu sou assim, né?! Toda sem graça =/ Mas achei que nunca tivesse lido, total indico a fazer o retiro, já fiz, mas tinha 16 e fumava maconha escondido, faria hoje todo certinho, e vai surti efeito, tem que se jogar e ter fé, e isso eu sei que tem, mas de verdade, se também quiser dormir as ferias todas e dormir, na sua casa mesmo, te apoio igual! =**